quinta-feira, 8 de julho de 2010

A revanche

Sempre fui conhecida por ser "vingativa" principalmente no campo sentimental. Quando comecei a namorar meu namorado saiu sozinho e ele mesmo me contou depois. Tá pode ter sido "legal" da parte dele ter me contado, mas eu nao achei isso. Na semana seguinte eu esta linda e morena dançando todas em um baile, fazendo o maior sucesso. Ele foi la atras de mim e ficou fulo da vida. Sabe o que aconteceu? Ele nunca mais saiu pra balada sem me falar.
Pois é meninas, não acho isso nada interessante para um namoro, já que podemos criar um ciclo vicioso e viver o namoro dando "o troco" um no outro. O que prejudica o namoro!!!
Terça-feira meu namorado foi pro curso dele e depois foi pra casa de um amigo fazer trabalho. La ele começou a beber com os amigos, e me ligou. Fiquei chateada sabe, até mesmo pq eu nao sabia direito quem estava la. Ele disse que só tinha homem e tals, mas o fantasma das barangas, piriguetes da SALA dele me assombram, e eu sempre fico com medo. Pra completar a situação, meu credito acabou e ele também estava sem.
O meu espírito vingativo veio a tona e eu ontem fui em uma apresentação de trabalho da minha turma. Depois todo mundo quis sair para beber. Em uma situação normal eu voltaria para casa já que não bebo mas ontem fiz QUESTÃO de ir pra la.
Não bebi, mas me diverti bastante, ri das conversas e fiz muita gracinha. Tinha um casal de com a gente ... casal de espanhois. Até fiz amizade com eles e combinamos que eu ensinarei portugues a eles e eles me ensinarão espanhol. rsrs Só voltei pra casa pq estava com o carro do meu pai e ele me ligou falando para eu nao demorar pois estava precisando URGENTE do carro.
Meu namorado me ligou o tempo todo, e eu recusava as chamadas, porém quando estava em casa nao teve como já que ele e deixou recado . Então liguei. A porcaria do celular dele acabava a bateria toda hora. Conclusão, nao tivemos uma conversa direito. Só deu tempo de saber que ele não vai sair do estagio que ele estava fazendo.
Isso pode parecer bom, OTIMO, maaaaaaaaas isso significa que ele não vai vir pra nossa cidade nas ferias. Significa que tudo que planejamos furou. Ai entra novamente o meu espirito vingativo. Pq lá onde ele mora ferias é epoca de shows, festas, atividades culturais, MAS na minha cidade tb. Entao como não sei o que ele vai fazer lá, sei que vou sair aqui.
Estou muito chateada com isso, por isso meninas, NÃO SIGAM MEU EXEMPLO, revanche nunca é a melhor solução....rsrs
Beijos da Madá

5 comentários:

۞ Potira ۞ disse...

Olá!!!
Cheguei aqui por indicação da Cris...

Eu não sou uma mulher que ama demais, porém gostei do blog e estou seguindo para ler tudo e acompanhar melhor...

Um abraço e boa noite

=)

Gustavo disse...

o dialogo no namoro é importantissimo, e sair com os amigos também, pois se os namorados viverem como irmãos siameses, vai chegar umdia que um vai enjuar da cara do outro, ou se sentir preso, por isso deve sair, mas tem que ter a consideração de convidade ou informar neh! Por que se não fica estranho

Maíra Souza disse...

Ahh tem que ter uma certa liberdade. Desde que sejam sinceros e tal! Todo mundo tem que ter tempo pra rir, e conversar com os amigos. Mas com certeza revanche não é o melhor, porque ai você vai tá fazendo por impulso...
Pensa bem!

BjO =)

sayuri disse...

P evitar tudo isso?
Ja tive um namoro assim..
Conheci alguem..que me ensinou o que é ter um relacionamento de verdade...de espera..de amor...sem vingança!..DEUS me ensinou..
quando esperamos em Deus p nos dar alguem da vontade dele..tudo fica perfeito..mas quando NÓS queremos escolher..sempre nos machucamos!Desculpa..falei pq ja passei por isso.
Beijos..seu blog é um sucesso.

sayuri disse...

P evitar tudo isso?
Ja tive um namoro assim..
Conheci alguem..que me ensinou o que é ter um relacionamento de verdade...de espera..de amor...sem vingança!..DEUS me ensinou..
quando esperamos em Deus p nos dar alguem da vontade dele..tudo fica perfeito..mas quando NÓS queremos escolher..sempre nos machucamos!Desculpa..falei pq ja passei por isso.
Beijos..seu blog é um sucesso.